Tracionando Range-Rover-Velar-2018-67-1024x683 Range Rover Velar estreia como SUV cupê para enfrentar BMW e Mercedes Lançamentos Land Rover Segredos SUVs  utilitário-esportivo SUV Salão de Genebra Range Rover Velar premium cupê
Range Rover Velar 2018

O segmento de utilitários-esportivos está fazendo tanto sucesso no mercado mundial que as marcas estão apostando em variações para seus modelos. A Land Rover, por exemplo, acaba de apresentar o novo Range Rover Velar; um SUV cupê que segue a mesma receita aplicada pela BMW nos modelos X4 e X6 e pela Mercedes-Benz nos GLC Coupé e GLE Coupé. A novidade é uma das principais atrações para o Salão de Genebra, que acontece a partir do dia 7 de março.

O novo Range Rover Velar chega para se posicionar entre os atuais Range Rover Evoque e Range Rover Sport e é o quarto membro da família Range Rover. E como não poderia ser diferente, o modelo aposta num visual mais “ousado”. “O Velar traz glamour, modernidade e elegância sem precedentes para a família Range Rover. É um novo tipo de Range Rover para um novo tipo de cliente”, disse o diretor de design da Land Rover, Gerry McGovern.

Na parte estética, o novo Velar traz como destaque os faróis afilados e espichados na dianteira, com tecnologia Matrix LED (que conseguem alcançar uma distância de 550 metros), formando conjunto com a grade com acabamento escurecido; além do para-choque com uma tomada de ar na parte central e luzes auxiliares nas extremidades, juntamente com dois filetes em cada lado que lembram as garras de um animal.

Tracionando Range-Rover-Velar-2018-67-1024x683 Range Rover Velar estreia como SUV cupê para enfrentar BMW e Mercedes Lançamentos Land Rover Segredos SUVs  utilitário-esportivo SUV Salão de Genebra Range Rover Velar premium cupê   Tracionando Range-Rover-Velar-2018-73-1024x683 Range Rover Velar estreia como SUV cupê para enfrentar BMW e Mercedes Lançamentos Land Rover Segredos SUVs  utilitário-esportivo SUV Salão de Genebra Range Rover Velar premium cupê
Range Rover Velar 2018

Já nas laterais, se sobressai a pintura da carroceria em dois tons e as formas mais limpas, juntamente com as maçanetas das portas que saltam para fora ao destravar o carro; afora, obviamente, o caimento suave do teto na parte traseira. Por fim, atrás, há lanternas de LED que seguem o mesmo desenho dos faróis, interligadas por um filete preto com o nome “Range Rover” estampado; e para-choque predominantemente na cor preta com um detalhe central em alumínio que abriga as ponteiras de escape.

Por dentro, o Range Rover Velar abusa dos comandos sensíveis ao toque, que substituem os botões físicos convencionais. No console central, há o sistema Touch Pro Duo com duas telas sensíveis ao toque de 10 polegadas, sendo a de cima para navegação, mídia e telefonia; e a de baixo para os comandos do ar-condicionado e do sistema Terrain Response. Há também um painel de instrumentos com tela TFT de 12,3 polegadas com quatro tipos de exibição; dispensando o velocímetro e o conta-giros analógicos.

O acabamento interno do SUV mistura materiais como plástico em preto brilhante; alumínio e couro. Como opcional, há bancos de lã Cinza Dapple como uma alternativa sustentável.

Tracionando Range-Rover-Velar-2018-67-1024x683 Range Rover Velar estreia como SUV cupê para enfrentar BMW e Mercedes Lançamentos Land Rover Segredos SUVs  utilitário-esportivo SUV Salão de Genebra Range Rover Velar premium cupê   Tracionando Range-Rover-Velar-2018-73-1024x683 Range Rover Velar estreia como SUV cupê para enfrentar BMW e Mercedes Lançamentos Land Rover Segredos SUVs  utilitário-esportivo SUV Salão de Genebra Range Rover Velar premium cupê   Tracionando Range-Rover-Velar-2018-51-1024x683 Range Rover Velar estreia como SUV cupê para enfrentar BMW e Mercedes Lançamentos Land Rover Segredos SUVs  utilitário-esportivo SUV Salão de Genebra Range Rover Velar premium cupê
Range Rover Velar 2018

O Velar mede 4.803 mm de comprimento, sendo 5 cm mais curto que o Sport; 1.902 mm de largura e 1.666 mm de altura, com distância entre-eixos de 2.872 mm. O porta-malas tem capacidade para levar até 632 litros de bagagens, podendo ser ampliado para 1.731 l com os bancos traseiros rebatidos.

A gama de motores do Range Rover oferece seis unidades, todas com transmissão automática de oito velocidades e tração nas quatro rodas. A primeira é um 2.0 litros Ingenium turbodiesel de quatro cilindros, que rende 180 cv e 43,8 kgfm ou 240 cv e 51 kgfm. Há ainda um 2.0 Ingenium a gasolina, de 250 cv e 37,2 kgfm ou 300 cv e 71,4 kgfm; um V6 a diesel de 300 cv e 40,8 kgfm e um V6 a gasolina (supercharged) de 380 cv e 45,9 kgfm.

O conjunto inclui ainda suspensão dianteira wishbone e traseira independente; além de rodas de 18 a 22 polegadas e suspensão a ar (de série nos modelos V6 e opcional nos com motor de quatro cilindros), que permite uma distância máxima do solo de 25,1 cm. Há também o sistema Configurable Dynamics, que permite uma suspensão mais rígida; resposta do acelerador melhorada e direção elétrica com comportamento mais firme.

Tracionando Range-Rover-Velar-2018-67-1024x683 Range Rover Velar estreia como SUV cupê para enfrentar BMW e Mercedes Lançamentos Land Rover Segredos SUVs  utilitário-esportivo SUV Salão de Genebra Range Rover Velar premium cupê   Tracionando Range-Rover-Velar-2018-73-1024x683 Range Rover Velar estreia como SUV cupê para enfrentar BMW e Mercedes Lançamentos Land Rover Segredos SUVs  utilitário-esportivo SUV Salão de Genebra Range Rover Velar premium cupê   Tracionando Range-Rover-Velar-2018-51-1024x683 Range Rover Velar estreia como SUV cupê para enfrentar BMW e Mercedes Lançamentos Land Rover Segredos SUVs  utilitário-esportivo SUV Salão de Genebra Range Rover Velar premium cupê   Tracionando Range-Rover-Velar-2018-16-1024x683 Range Rover Velar estreia como SUV cupê para enfrentar BMW e Mercedes Lançamentos Land Rover Segredos SUVs  utilitário-esportivo SUV Salão de Genebra Range Rover Velar premium cupê
Range Rover Velar 2018

A versão de entrada do Velar é a Standard, que inclui rodas de liga-leve aro 18; bancos dianteiros aquecidos; destravamento das portas e partida do motor sem chave; faróis de LED e para-brisas aquecido. A variante S inclui rodas de 19 polegadas; porta-malas com abertura por gestos; bancos dianteiros com ajustes elétricos de 10 vias e revestimento em couro. Na SE, há rodas aro 20; faróis Matrix LED com assistência de luz alta; câmeras com visão 360 graus; painel de instrumentos com tela de 12,3 polegadas e sistema de som Meridian de 825W.

Há ainda o modelo HSE, com rodas de 21 polegadas; bancos em couro Windsor com função massagem e refrigeração; volante com ajuste elétrico e controle de cruzeiro adaptativo. No caso da R-Dynamic, há detalhes visuais esportivos; rodas em cinza acetinado; para-choque dianteiro mais agressivo e pedais em metal. A linha inclui ainda a versão First Edition, que estará disponível apenas no primeiro ano; com rodas de liga-leve e som de 1.600W como diferenciais.

O Range Rover Velar estará disponível nos Estados Unidos com preço inicial de US$ 50.895, podendo alcançar os US$ 90.295 na versão topo de linha. O modelo deverá chegar ao Brasil entre o final de 2017 e o início de 2018.